Browse By

O que é ghost writer? Conheça quem está por trás de alguns livros

Você já ouviu falar no termo ghost writer? Quando um autor escreve um livro o nome dele aparece na capa, certo? Não no caso do ghost writer. Traduzindo, a expressão significa “escritor fantasma”, ou seja, é quando o escritor não leva os créditos pela história.  Mas nem só de escrever livros vive o ghost writer, e hoje o Vá Ler um Livro vai explicar todos os tipos para você!



Tipos de Ghost Writer

O que escreve Discurso

arte sobre ghost writingPolíticos estão sempre fazendo algum discurso, seja na entrega de uma obra, nas eleições tentando arrecadar votos ou quando há alguma crise. E a maioria deles utiliza um ghost writer para escrever esses discursos.

Um dos casos mais famosos é do Presidente Kennedy, dos Estados Unidos, com a frase “Não pergunte o que seu país pode fazer por você, mas o que você pode fazer pelo seu país”. Porém, a frase foi escrita por Ted Sorensen, assessor do então presidente.

No Brasil um caso famoso é de Autran Dourado, o escritor-fantasma por trás do presidente Juscelino Kubitschek. Autran chegou a afirmar “Eu era apenas a mão que escrevia”.

O que escreve artigos científicos

Há diversas revistas de ciência espalhadas pelo mundo, com estudos sobre os mais diversos assuntos. Porém, será que é certo um ghost writer , uma pessoa que não é da área,escrever um artigo científico? Bem, nos Estados Unidos um caso gerou polêmica. Uma indústria farmacêutica quis contratar uma especialista para redigir um artigo, mas ela recusou a oferta. A empresa então contratou outra pessoa. Então eles levaram o artigo para uma revista médica, que recusou publicar o trabalho, e no lugar publicou um texto da especialista que tinha dito não à indústria. O texto dela condenava a postura da indústria farmacêutica em usar um ghost writer.



O que escreve livros

Nesses casos o que acontece muitas vezes é alguém tem uma ideia boa para uma história, mas não tem tempo ou habilidade para escrevê-la. Então a pessoa contrata um ghost writer para dar vida àquela ideia. Porém, às vezes a descoberta de que aquele livro querido não foi escrito por quem você pensava pode ser frustrante. Um dos casos recentes é da youtuber Zoella e do livro “Girl Online”. Quando os fãs descobriram que a obra tinha sido escrita por um ghost writer eles ficaram decepcionados, e Zoella sofreu várias críticas.

Escritora Zoella com o livro Girl Online, escrito por um ghost writer

O livro “O Doce Veneno do Escorpião – O Diário de uma Garota de Programa”, de Bruna Surfistinha, também foi escrito por um ghost writer, chamado Jorge Tarquini.

O livro O Doce Veneno do Escorpião, escrito por um ghost writer



Como se tornar um ghost writer

Geralmente os ghost writers já escreveram seus próprios trabalhos antes de começar a escrever para os outros. Então se você se encaixa nesse requisito, pode procurar alguns sites que conectam escritores à quem procura um ghost writer. Uma dica é o site Freelancer.com ou Elance.

Outra dica é procurar empresários que tenham recursos para financeiras um livro, além de interesse em publicar um livro. É importante definir no começo como vai funcionar: se o pagamento vai ser feito por palavra, por página, de onde vai vir o material para o livro (o cliente vai fornecer informações ou vai ser tudo com você?) etc.

Saiba mais: